”Próxima reunião da Câmara Temática às 19 horas, Casa da Cultura”

terça-feira, 11 de setembro de 2012

FGB divulga ranking dos classificados nas áreas de Patrimônio Cultural e Esporte e Lazer da Lei de Incentivo à Cultura

A Fundação Garibaldi Brasil (FGB) acaba de divulgar o ranking com os projetos classificados na 2a. fase do Edital 2012, que está disponível aqui. Com recursos remanescentes, o prazo da Lei Municipal de Incentivo à Cultura, ao Desporto, Preservação e Manutenção do Patrimônio Histórico e Cultural do Município de Rio Branco, Lei nº 1.324 de 20 de julho de 1999, foi prorrogado para atender as áreas de Patrimônio Cultural (R$ 160.395,68) e Esporte e Lazer (R$ 95.020,94).

Como funciona
A Lei Municipal de Incentivo à Cultura é uma forma de financiamento por meio do incentivo fiscal, ou seja, a Prefeitura Municipal de Rio Branco autoriza que empreendedores destinem a projetos culturais ou esportivos – recursos que pagariam em tributos: ISS e IPTU.

A FGB lança anualmente um Edital, em corresponsabilidade com o Conselho Municipal de Políticas Culturais (CMPC) e Conselho Municipal de Esporte e Lazer (Comel), para todos os fazedores das áreas de Arte, Patrimônio Cultura e Esporte e Lazer, desde que inscritos no Cadastro Cultural do Município (CCM) ou de Esporte e Lazer.

Com base em critérios discutidos e deliberados no âmbito dos Conselhos, uma Comissão de cada área, indicada pelos conselheiros e composta por maioria de representantes da sociedade civil seleciona os melhores projetos, que recebem um Crédito de Bônus Fiscal, emitido pela Prefeitura.

Em seguida, o produtor do projeto realiza a troca do bônus junto a uma empresa, que posteriormente o utiliza para pagar impostos devidos ao município. De acordo com Eurilinda Figueiredo, diretora-presidente da FGB, a Lei de Incentivo permite, de maneira democrática, elevar a quantidade e a qualidade das produções artísticas locais.

“Ela proporciona também mercado de trabalho para artistas, esportistas e produtores culturais, servindo como porta de entrada para o relacionamento com apoiadores da iniciativa privada. Além disso, amplia o acesso da população aos eventos artísticos, culturais e esportivos, contribuindo para a formação de um público cada vez maior”, explica.

Fonte: Blog do Sistema Municipal de Cultura

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários neste blog passam por nossa moderação, o que nos confere o direito de publicá-los ou não.

Os textos e conteúdos dos comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam, necessariamente, a opinião deste blog.

Não serão publicados comentários de leitores anônimos ou aqueles considerados moralmente ofensivos, racistas, preconceituosos ou que façam apologia a qualquer tipo de vício ou atos de violência e discriminação.

A reprodução é livre desde que mantido o contexto e mencionado a fonte.