”Próxima reunião da Câmara Temática às 19 horas, Casa da Cultura”

segunda-feira, 30 de julho de 2012

FGB lança Edital 2012 do Fundo Municipal de Cultura na quarta-feira

Recurso atenderá a produção cultural rio-branquense no segundo semestre do ano

Completando quatro anos desde sua criação, o Fundo Municipal de Cultura (FMC) já é um dos principais meios de incentivo financeiro para a produção cultural de Rio Branco. Nesta quarta-feira, dia 1º de agosto, a Prefeitura de Rio Branco, através da Fundação Garibaldi Brasil (FGB), lança o Edital 2012 do FMC, às 10h, no Centro Cultural Thaumaturgo Filho, localizado no bairro Manoel Julião. 

Com o recurso de R$ 285mil, o FMC atende às áreas de Arte, Patrimônio Cultural e Esporte. O formato do Edital deste ano foi definido através do voto dos conselheiros do Conselho Municipal de Políticas Culturais, no Fórum do dia 17 de maio, que aconteceu no Cine Teatro Recreio. Uma característica deste edital é que cada área determinou as suas próprias naturezas, ficando do seguinte modo: 

• Arte: Formação, Produção, Circulação, Intercâmbio, Manutenção de Grupos e Entidades e Pequenos Apoios; 
• Patrimônio Cultural: Formação, Produção, Circulação, Manutenção de Grupos e Entidades, Pequenos Apoios e Eventos/Ações de Naturezas Integradas; 
• Esporte e Lazer: Formação, Produção, Circulação, Intercâmbio, Manutenção de Grupos e Entidades, Pequenos Apoios e Eventos/Ações de Naturezas Integradas. 

Os projetos podem ser apresentados na sede da FGB, no Parque Capitão Ciríaco, de 8 de agosto a 4 de setembro, no horário das 8h às 12h e das 14h às 18h. A partir do lançamento, o edital estará disponível para download no blog www.culturarb.blogspot.com e no site www.riobranco.ac.gov.br

Sobre o FMC 

O Fundo foi criado em 2008, acabando com a prática conhecida como “balcão”, onde o artista solicitava ajuda financeira diretamente para o presidente da FGB. A partir de então, o recurso é distribuído através de edital todos os anos. Diferente do sistema de renúncia fiscal empregado na Lei de Incentivo à Cultura, o FMC deposita o recurso direto na conta do proponente de projeto aprovado. 

Conheça agora alguns dos números relativos ao FMC: 
• De 2008 a 2011 foram apresentados, somando as três áreas 462 projetos, totalizando o valor de R$ 3.169.755,27; 
• Neste período, foram aprovados 179 projetos, resultando em R$ 1.120.000 de recurso disponibilizado; 
• A área que mais apresentou projetos até então foi Arte, com 244 projetos, demandando R$1.471.179,41; 
 

sexta-feira, 20 de julho de 2012

Parlamento reverencia os 50 anos da UDV

Edson Lodi*

Dentre as relevantes homenagens prestadas ao Centro Espírita Beneficente União do Vegetal no transcorrer de seu cinquentenário, uma merece destaque por sua abrangência institucional: a sessão solene realizada na Câmara dos Deputados, em Brasília, em 11 de julho de 2011.

Nesse sentido, o Deputado Wolney Queiroz, Conselheiro no Núcleo Mouraiá (Caruaru-PE), um dos proponentes da sessão solene, achou por bem registrar em livro os discursos pronunciados naquela ocasião, além de artigos diversos referentes a esse aniversário, bem como um histórico das homenagens que a União do Vegetal recebeu das Câmaras Municipais e Assembléias Legislativas, de cidades e estados espalhados por quase todo o território nacional.
Na apresentação do livro, o autor – que custeou a obra com recursos próprios – ressalta que a publicação tem para ele um significado especial: “conjuga dois pontos vitais da minha vida: trabalho e religião. Sou sócio da União do Vegetal há 23 anos e cumpro meu 4o mandato como deputado federal pelo Estado de Pernambuco. Tenho visto, desde que cheguei, o incansável trabalho dos que fazem a UDV pelo reconhecimento dos poderes constituídos. Nas palavras de Mestre Gabriel havia um alerta importante, que soa como um mantra: ‘a União do Vegetal deve obter o apoio das autoridades para que consiga alcançar seus objetivos’. E esse apoio tem sido buscado desde os primórdios da UDV”.

Continue lendo no Blog da UDV

quinta-feira, 19 de julho de 2012

Saiba tudo sobre as inscrições para o Conselho Nacional de Política Cultural (CNPC)

Foi prorrogada até o dia 08 de agosto as inscrições para o Conselho Nacional de Política Cultural (CNPC). O CNPC é a instância máxima de representação da sociedade civil na construção de políticas públicas culturais. 

Confira algumas dicas explicando um pouco melhor o que é o conselho e como efetuar a inscrição. Estas orientações foram elaboradas por Marcelo Manzatti, e divulgadas no Fórum de Culturas Populares. 

O Conselho 

O CNPC tem inúmeras funções importantes, dentre elas, acompanhar a execução do Plano Nacional de Cultura, orientar os investimentos do Fundo Nacional de Cultura e aprovar o regimento da Conferência Nacional de Cultura.

Ele é composto por diversas instâncias, sendo:
1. Plenário;
2. Colegiados Setoriais;
3. Comissões Temáticas ou Grupos de Trabalho;
4. Conferência Nacional de Cultura;
5. Comitê de Integração de Políticas Culturais - CIPOC.

Lei mais no Blog do
Sistema Municipal de Cultura

terça-feira, 17 de julho de 2012

Convite Centro Espírita Daniel Pereira de Mattos

O Centro Espírita Daniel Pereira de Mattos, na pessoa de seu dirigente Antonio Geraldo da Silva Filho, tem a grata satisfação em convidar a todos para participarem do festejo em comemoração ao 12º ano da passagem do suadoso Mestre Conselheiro Antonio Geraldo da Silva, que será realizado no próximo dia 28 de julho, a partir das 19 horas, conforme local e programação abaixo.